domingo, 30 de abril de 2017

30 ANOS DA “CONSTITUIÇÃO CIDADÔ: PERSPECTIVAS DA HISTÓRIA E DA CIÊNCIA POLÍTICA


A Revista Estudos Ibero-Americanos (Qualis A2, ISSN: 0101-4064) organiza o Dossiê “30 anos da “Constituição cidadã”: perspectivas da História e da Ciência Política” (Volume 44, n.2, 2018), editado por Fréderic Louault (Université Libre de Bruxelles, Bélgica) e Teresa Cristina Schneider Marques (Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, Brasil). Os artigos devem ser enviados a partir de junho de 2017.

A revista, editada pelo Programa de Pós-Graduação em História da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS), aceita trabalhos em português, espanhol e inglês.

Eixo Temático

A Constituição de 1988 marcou o início da nova era democrática no Brasil e ficou caracterizada pelo seu caráter “cidadão”, por afirmar a legitimidade dos direitos civis e políticos no país e o papel do Estado em garanti-los aos seus cidadãos. 30 anos após a sua promulgação, a efetividade dos avanços por ela propostos foi colocada em xeque pela fragilidade das instituições políticas brasileiras exposta durante o processo de impeachment da presidenta Dilma Rousseff (PT), e pela persistência dos problemas sociais, tais como a desigualdade econômica e o desemprego.

Assim, as reflexões sobre os avanços alcançados, bem como os limites da constituição de 1988, exigem a abordagem de múltiplas dimensões da democracia brasileira. São elas: dimensão institucional, dimensão social e dimensão cultural. Com o objetivo de apresentar uma contribuição para os estudos que buscam avaliar a qualidade da democracia no Brasil, o presente dossiê, organizado por pesquisadores do Centro Brasileiro de Pesquisa em Democracia (CBPD), pretende reunir resultados de pesquisas empíricas que abordem a influência da “Constituição cidadã” em tais dimensões, nas perspectivas da História e da Ciência Política.

A Revista Estudos Ibero-Americanos é um periódico com publicação quadrimestral, baseada nos princípios do livre acesso. O foco primário da revista é área de História, estando aberta também para contribuições relevantes de outras áreas das Ciências Humanas. A revista publica artigos inéditos sobre temáticas relativas ao espaço ibero-americano, contando com ampla abrangência cronológica. Textos focados em questões teóricas e/ou metodológicas também têm espaço no periódico.