terça-feira, 17 de maio de 2016

TERRA DA LINGUIÇA TREME AO VER BOLA ENTRAR


A segunda divisão está mais interessante que a primeira. Se na rodada inaugural da Série A tivemos apenas 12 gols, e 1/3 deles foi apenas em um jogo, a Série B reserva algumas situações bizarras, porém, há mais gols. O Chineisão é mais interessante que a segundona, tecnicamente é mais divertido também, mas ao longo da semana é o que há na telinha. Mesmo assim, ver os jogos da Bezona é gritar com a televisão diante das barbaridades táticas que são apresentadas. Ver um jogo desses por inteiro requer muita coragem. Dois exemplos disso são: os laterais do Bragantino erraram todos os cruzamentos que vi, enquanto que o ataque da Luverdense se mostrou inoperante posiciona-se de maneira retrancada. Quando tudo caminhava para um empate enfadonho, Hugo marca um belo tento. Segunda derrota para o time alvinegro e quarto ponto para o time verde.  O futebol da paulistinha e do início do torneio, o Bragantino deixa claro que sua briga será do meio da tabela para baixo. Já o Luverdense deverá treinar finalizações!

Dica de leitura: sobre o futebol e o estupro, Rubem Alves.