domingo, 7 de setembro de 2014

OS VAMPIROS E OS EVANGÉLICOS

Não quero criar nenhum juízo de valor, mas descrever o que vi ontem. Ao zapear pelos canais deparei-me com o programa Balaio, da Rede Super falando sobre a série Crepúsculo. O apresentador fez uma leitura religiosa e de certo modo, genealógica, de vampiros e lobisomens para contextualizar o que a autora faz com a série. Ele comentara que no programa passado o alvo das críticas fora Harry Potter. É interessante pensar como as mais diferentes demonizações religiosas orientam seus fiéis. Enquanto que as demonização tradicionais buscam uma abertura compreendendo seu tempo, surgem fundamentalistas de todos os lados fechando as portas.