sexta-feira, 6 de junho de 2014

NOSSO TIME NÃO É TÃO HEXA ASSIM

BRASIL 1x0 SÉRVIA
Amistoso Pré-Copa
São Paulo, 6 de junho de 2014

Nem um super time em Panamá, nem um desespero em Sérvia. No começo os jogadores buscaram mostrar através de abraços e afetos que não são apenas um selecionados, mas forma um time. A escolha da Sérvia foi bom para testar. Finalmente alguém para marcar Neymar. Ele é o camisa 10 e carrega com ela a mística de outros que a carregaram, mas alguém deve orientar o menino que ele não é o salvador da copa. Um jogo se faz de coletividade. Faltou coletivo diante da área da Sérvia. Toques sem objetividade. E não há Panamás na Copa. O Brasil tentou fazer algo que não é próprio de Felipão, toque, toque e toque - isso é Pareira. Felipão é jogo duro e pegado. Lembrando a campanha do penta não houve jogo bonito, mas resultado, basta lembrar a vitória sobre a Bélgica nas oitavas daquela copa. O jogo de hoje não apareceu amistoso, e assim que deve ser.

Porém, Sérvia não tem jogo tão semelhante assim a Croácia como muitos tem afirmado. Vamos com calma. Sérvia está para a Croácia, como o Panamá está para o México. São forças e táticas diferentes. A escolha da Sérvia fora inteligente, o futebol do Brasil não.