sexta-feira, 18 de abril de 2014

PENSAR É UM PRINCÍPIO MORAL

O homem não passa de um caniço, o mais fraco da natureza, mas é um caniço pensante. Não é preciso que o universo inteiro se arme para esmagá-lo: um vapor, uma gota de água, bastam para mata-lo. Mas, mesmo que o universo o esmagasse, o homem seria ainda mais nobre do que quem o mata, porque sabe que morre, é a vantagem que o universo tem sobre ele: o universo desconhece tudo isso.

Toda nossa dignidade consiste, pois, no pensamento. Daí que é preciso nos elevarmos, e não do espaço e da duração, que não poderíamos preencher. Trabalhemos, pois, para bem pensar; eis o princípio moral.

(PASCAL. Blaise. Pensamentos. São Paulo: Abril Cultural, 1973, pp. 127-128)