terça-feira, 2 de agosto de 2011

Esse tal novo avanço do povo Brasileiro


Texto de uma ex-aluna recebido por email. Jeniffer Alexia
Primeiramente, gostaria de lhes esclarecer o motivo deste e-mail: Maconha.
Sim meus caros, uma droga tão conhecida, que a gente houve falar desde SEMPRE o quanto faz mal, o quanto prejudica, o quanto destrói a vida das pessoas, pois é uma droga que esta sendo discutida no congresso Nacional uma lei sobre a LIBERAÇÃO da MACONHA, será que vocês entendem o que digo? O Brasil vive gastando dinheiro pra mostrar aos jovens o quanto o seu uso trás riscos, infelicidade, e pra quê? Pra de um hora pra outra querer implantar um projeto pra liberação. BOA GOVERNO, tantos projetos de educação e saúde, pedindo para serem discutidos e vão discutir logo sobre uma coisa que vai contra todos os objetivos de um país.
Pense bem, do dia pra noite esse "lamentável" (pra não degradar o vocabulário brasileiro) projeto é liberado, então chega um famoso "Fernandinho Beira mar" batendo na tua porta e dizendo " ai tia, vim trazer a maconha pro teu filho!" e o que a senhora vai dizer? Fazer? Chamar a policia? COMO se a própria lei ta contra a educação que a senhora da pro seu filho?
A liberação de uma droga é ridícula! O que vai mudar? Vão deixar de existir traficantes? NÃO.Porque não é SÓ a maconha, é o crack, LSD, cocaína...Então passado alguns anos, eles vão pedir a liberação dessas outras drogas e cada vez destruir mais e mais algo que se chama Familia, porque me desculpe, mais que se dane a pessoa que usa, ela deve saber o que fazer e como destruir a sua vida, mais não deveria ter o direito de destruir a vida de toda a família que a rodeia.
Eu vou estar em uma festa, dançando, eu que não bebo e não fumo, vou ter que ATURAR alguém do meu lado me prejudicando e fazendo mal pra minha saúde? Uma pessoa que eu nunca vi na vida.
Em minha opinião a liberação do cigarro já é ridícula o bastante pra um país que diz querer se desenvolver tanto. No caso do cigarro, é proibida a venda para menores de 18 anos, mais me digam: desde quando isso é cumprido? Em qualquer esquina você encontra crianças de 12, 13 anos fumando cigarro. Será que com a maconha isso seria diferente? Sendo que nas cracolandias já há crianças mais jovens do que a idade citada acima, fumando, se drogando e se achando um máximo?
Será que o próprio ser humano (não digo apenas brasileiros) não percebe o quanto ele vai contra sua própria criação, sua própria espécie? Faz, inventa, cria coisas que destroem a eles mesmos?
Só peço para que os Brasileiros, ao menos se diferenciem um pouco deste resto do mundo tão incapaz de perceber o seu fim com as próprias mãos.