terça-feira, 28 de dezembro de 2010

TV Brasil, a tv pública na terra de Lula

Comecei meu ano letivo na disciplina de Filosofia discutindo com meus alunos um texto da Revista Veja chamado A grande Arca da TV Brasil, do Diogo Mainardi. Uma crítica a TV pública brasileira que queria ser grande e ainda é desconhecida da grande massa.


 

A revista eletrônica Fator Brasil, traz a seguinte reportagem: Desde o dia 27 de de dezembro (segunda-feira), às 22horas, a TV Brasil exibe uma série especial sobre os oito anos de governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Serão 4 episódios. O primeiro mostrará o "Legado do Presidente Lula" e traz um resumo dos oito anos de governo, os avanços, as estratégias e transformações que Lula proporcionou ao Brasil. Amanhã, o segundo capítulo será sobre o "Vigor da economia e as mudanças sociais". O terceiro episódio mostra os avanços da política externa brasileira, a imagem do Brasil e o reconhecimento do país no cenário internacional e como os programas sociais mudaram o Brasil, além dos bastidores da política interna. Na quinta-feira, o último episódio da série traz uma entrevista exclusiva com o Presidente Lula, feita pelas jornalistas Tereza Cruvinel e Nereide Beirão, onde o presidente faz um balanço de seu governo.


 

Um canal que teve a promessa de poder ser grande presta-se a um determinado serviço de não informar, mas de fazer propagada ideológica. Mas esta tentativa, em certo grau, é inútil porque os números da audiência justificam isso, mas, é importante lembrar que o financiamento da TV pública brasileira é vindo do dinheiro público e dinheiro está sendo usado para fins ideológicos e não os serviços que a promessa pública se prestava em sua implantação.