terça-feira, 22 de junho de 2010

França e Kaká no mesmo post

França na copa: 0x0 Uruguai; 0x2 México e 1x2 África do Sul. Para tentar entender o entendível, Papin, ex-jogador francês soltou algumas frases que se espalharam como crítica pela imprensa internacional: "Chegamos ao fundo do poço, somos uma piada para o mundo inteiro". "As pessoas só falam disto. Estão aborrecidas com estes caprichos de meninos que sujam o país. Quando se veste essa camisa, é preciso ter orgulho", mas "hoje esse orgulho foi perdido". "Os caprichos de estrelas, se tivéssemos resultados estelares, poderiam ser compreendidos, mas depois disso, francamente, acho que chegamos a um ponto sem saída".


 

Acho que Kaká exagerou nas críticas a Juca Kfouri. Se há uma acusação que não cabe ao Juca é a perseguição. Um jornalista com mais de quarenta anos de experiência não seria tão leviano ao ponto de cometer tal erro. Acredito que o jogador da seleção brasileira deveria estar mais bem informado antes de disparar criticas. Alias, deveria ele se vacinar da grosseirinha Dunga diante da imprensa, parece que ficou contaminado.