sábado, 26 de junho de 2010

Dia "sem" Globo? Dia "com" Globo

Pego emprestada a manchete de Edu Cesar. Gostaria de rapidamente escrever umas linhas tortas sobre a confusão entre Globo e Dunga. Se Dunga tem méritos diante da imprensa nesta copa é tratá-la de maneira igual. Sem exclusivas e sem o enojamento que fora outras copas em favor da Rede Globo, ele trata todos os jornalistas de forma igual. Ponto positivo para ele. Por outro lado, nesta igualdade está o problema, trata todos igualmente de maneira ríspida e mal-educada. Ponto Negativo pra ele. Está o tempo inteiro confrontando os jornalistas como se fossem adversários na bola. O trabalho do jornalista em copa do mundo é especular e ponto. O que vai fazer alguém numa entrevista coletiva, perguntar como vai a "mana"? Algumas pessoas deveria deixar esta babaquice de lado, de protesto pró-Dunga ou pró-Globo e perceber que cada qual tem seu papel: o jornalista de perguntar e o entrevistado de responder, sabendo que em primeiro lugar são humanos e só por isso merecem respeito.


 

Ainda do site do Edu Cesar: Segundo gente ligada à FIFA, a retratação pública do técnico do Brasil foi exigência da entidade para não puni-lo (fonte: Eduardo Arruda, "Painel FC" da Folha de S.Paulo).