segunda-feira, 12 de outubro de 2009

Cultivar e amar

O que não é cultivado morre! ERRADO. Por que há de ser verdadeira esta afirmação? Pense num jardim florido com todos os cuidados, as plantas permanecem lindas e exalam beleza para todos os cantos se cultivadas. Mas, ao mesmo que vejo o jardim florido vejo um matagal. No matagal existem flores não cultivadas e crescidas. Jogadas ao leu e vistosas, se adaptam entre tantas outras árvores buscando o espaço. Estão lá, não cuidadas, mas sobrevivem. Quando os sentimentos são fortes, mesmo que não cuidados eles crescem e buscam seu espaço dentro da escuridão dos dias. Espremem até alcançar um lugar ao sol. Há coisas não cultivadas que sobrevivem ao tempo e a negativa imposta por nossas escolhas não são barreiras que fazem tudo isso se manifestar numa palavra: saudades.